16 de abril de 2011



Essa tua cara lavada de quem não tem pra onde ir.
Essa tua mania de estar sempre com sono, me pedindo pra ficar.
Esse sorriso descarado de quem não se importa nem um pouco.
Mas ainda sim, há de se importar.
Eu não sei porque ainda alimento tanto esse coração.
Ando cansada de esperar, eu bem que tentei esquecer,
mas a distancia ao invés de atrapalhar, me aproxima mais de você.
Eu queria ter uma noite de paz, daquelas de deitar e fechar os olhos,
sem problemas na cabeça, sem alguém no coração.
Mas não dá não.
Há sempre você, mesmo longe.
E so far away já nao é o limite, quando na minha cabeça só existe você.

3 comentários:

  1. Maaas qe lindo Caarol. adorei muito.

    ResponderExcluir
  2. Deu pra sentir que você tá sentindo essa parada, e você descreveu realmente tudo que sente, é tão simples e tão complicado, eu to vivendo isso há mais ou menos 8 meses, e eu não permito que isso me consuma, é como se eu soubesse que isso tira de mim TUDO da minha vida emocional, mas eu fecho os olhos pra isso, e vivo como se fosse acontecer algo a qualquer passo e a qualquer hora... Assim eu não preciso sentir que nunca vai acontecer.


    ENfim, eu vim aqui falar de outra coisa mas não aguentei com esse seu texto... Aqui quem fala é a Ju House do cacheada e cheia de onda
    eu to num projeto juntamente com minha amiga de levar adiante um sonho antigo que era falar sobre problemas
    femininos, o blog seria como um disconte no cara que fez ela sofrer, e seria uma forma de ajudar alertar ou
    manter a mente de outras mulheres abertas, mostrar do que o amor é feito, é a verdade nua e crua. O nosso
    projeto é de tirar sarro dos acontecimentos, ao invéz de se deprimir e ocupar a mente com besteira a nossa
    idéia é mostrar onde tá o erro no relacionamento na postura da mulher com a vida que está levando.
    Faremos isso também em forma de vlog, que é inclusive uma forma mais rápida de divulgar, porém vamos
    começar por aqui para termos umas histórias, se você tiver algum dilema, conhecer alguém que tenha,
    mande-nos, dá uma olhadinha no nosso post, pode mandar anonimo mesmo pro e-mail, é melhor que invente
    um nome um lugar pra vocês mesmas identificarem a história, no post ou aqui mesmo, porquê faremos
    questão de responder a cada um dos e-mail's.Se quiser divulgar o blog e a idéia eu agradeceria também!


    Beijos sentimentais!

    ResponderExcluir
  3. queeeeeeeee lindo *-*
    "mas a distancia ao invés de atrapalhar, me aproxima mais de você"

    falou tudo carol.

    ResponderExcluir