20 de setembro de 2010

Choque nada sutil




 
Não busco reciprocidade de sua parte, nem uma total doação de amor eterno, porque amores eternos não existem. 
Somos um caso a parte, dois corações com vida própria, com destinos diferentes.
Mas há uma ligação inóspita entre nós, foi exatemente em uma noite fria de inverno que nossos corpos se esbarraram um no outro, foi como um choque elétrico, ficamos em transe por um bom tempo.
Mas eu não quero voltar pra casa hoje, eu só queria te telefonar e dizer um oi, queria te levar pro nosso lugar de sempre e ficarmos debaixo daquele pé de árvore que não dá fruto até o amanhecer.
Não, eu não quero desculpas, nem quero desperdiçar minhas lágrimas.
Quero tomar um café bem quente e sentar na varanda de um fim de tarde de verão, vendo a brisa bater nas folhas secas, me distrair, deixar toda essa insanidade de lado, conter meus impulsos e impasses.
Não vou mais atrás do que quero, ficarei aqui. É uma escolha.
Talvez seja uma ponte para o precipício, mas deixo ser.
Vou perder a dor que seu sorriso causa em mim, e talvez um dia eu esqueça a expressão dos seus olhos e a cor deles. 
Se nossos corpos se chocarem outra vez, só não esqueça de se desligar da tomada antes.

4 comentários:

  1. Gostei muito do texto, simples mas profundo. Amei a frase "Se nossos corpos se chocarem outra vez, só não esqueça de se desligar da tomada antes. "
    beijos.

    ResponderExcluir
  2. Hey Carol, desculpa meu sumiço aqui. Pra começar que amei teu início de texto. E toda vez que te leio, fico pensando onde você encontra tanto amor e logo em seguida arranja tanta desilução. E pensando nisso, lembrei do teu texto que mais me marcou: "Era para ser nosso final feliz", se o título não for esse, perdoe porque puxei de memória.

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Nuss, voc simplesmente descreve tudo queeu sinto. E faz mo tempão que não consigo descrever. Amei. Nem tenho mais oq falar. Voc jah disse tudo.

    ResponderExcluir
  4. Quantas palavras fortes, elétricas como seu choque.
    Estou encantada com teu talento para com as letras. ;)

    ResponderExcluir