2 de junho de 2010

Passado por favor, esqueça-me.


Olha, não faças mais isso. Tome cuidado, espere um pouco. Deixe-me explicar por favor. Olhe bem nos meus olhos, posso parecer forte, mas sou frágil, tão quebrável. Então pare de cegar meu olhos com essa ilusão, pare de segurar minhas mãos e me guiar pelos córregos de ouro, pelas estradas sem fim, pelos caminhos insanos do seu coração. Pare com isso, vá embora, me deixe só. Não volte a me tocar, não me olhe com esses olhos cor de mel, tão sutis, pare com esse seu sorriso tão sólido, tão seguro. Estou quase entrege a você. Estou quase me embriagando com seu olhar, que me encara tão explícitamente, tão desnorteado, me despindo vorazmente, chega a me arrepiar por dentro até. Pare, por favor. Não quero enlouquecer, quem tenta consegue, então pare de tentar, não posso continuar assim. Passou, já me convenci de que foi passado, não volte a me atormentar, não volte a me machucar, não quero passar noites a sonhar contigo, perdendo a pouca insanidade que me resta, me afundando numa insônia infinita que cobre minhas noites mal dormidas, me enche de mal humor e transborda pelos poros, me fazendo suar arduamente, só em pensar em você.  Então, fique parado, não faça nada, alías, faça. Pegue suas malas, tome sua estrada, volte para seu mundo, não bata na porta do meu, ele está fechado para visitas inusitadas, breves e ilusórias como as suas. Dê meia volta, me deixe na solidão, é melhor que sofrer, porque toda vez que você volta, dizendo que não consegue parar de pensar em mim, eu caio em seus laços, você me enlaça, me encalça, me prende, depois solta, vai embora e me deixa, novamente. É sempre assim. Dê adeus ao meu coração, dê adeus a mim. E vá. Passar bem, porque estou bem assim, se você quiser saber.

3 comentários:

  1. É bom dar um basta em tudo o que nos machuca. Deixar de lado pode não ser a melhor saída, mas é a melhor entrada para se viver novamente.
    Gostei da sinceridade, de verdade.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. se não te faz bem, é melhor que vá embora mesmo.
    :)
    :*
    to seguindo

    ResponderExcluir